Dólar sobe e retoma patamar de R$ 4, mas fecha setembro em queda

Novo Datafolha a 9 dias da eleição e tudo para ler antes de a Bolsa abrir
28 de setembro de 2018
Bolsa fecha em baixa, mas alta acumulada no mês supera 3%
28 de setembro de 2018
Exibir tudo

Dólar sobe e retoma patamar de R$ 4, mas fecha setembro em queda

Na semana e no mês, entretanto, a moeda recuou, com investidores reduzindo posições compradas

SÃO PAULO, 28 Set (Reuters) – O dólar terminou a sexta-feira em alta e de volta ao nível de 4 reais, após três quedas consecutivas, sob influência externa e da cena eleitoral doméstica, a pouco mais de uma semana do pleito.

Na semana e no mês, entretanto, a moeda recuou, com investidores reduzindo posições compradas, que apostam na alta, após a corrida ao Palácio do Planalto ter se polarizado entre um provável segundo turno entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT). Com o desfecho eleitoral ainda incerto, outubro começa com previsão de volatilidade.

O dólar avançou 1,07 por cento, a 4,0371 reais na venda, acumulando, na semana, queda de 0,26 por cento.

No mês, caiu 0,87 por cento, depois de fechar agosto com alta de 8,46 por cento, o maior avanço desde setembro de 2015. No ano até agora, o dólar já ficou 21,80 por cento por cento mais caro. O dólar futuro tinha alta de cerca de 0,10 por cento.

Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.